top of page

Yamaha domina 2ª etapa e mantém liderança nas três principais categorias do BRMX


Pilotos da Yamaha Monster Energy Geração lideram as principais categorias do Brasileiro de Motocross: MX1 (Fábio Santos), MXF (Sarah Raquel) e MX2 (Guilheme Bresolin) - Foto: Rodrigo Junior

A cidade de Ibirubá, no Rio Grande do Sul, foi palco de vitórias dos pilotos da equipe Yamaha Monster Energy Geração neste final de semana (5 a 7/5). A segunda rodada do Campeonato Brasileiro de Motocross 2023, disputada em um fim de semana de muita chuva, teve novo domínio azul, com os pilotos Yamaha ampliando a vantagem na liderança da competição.


Categoria MX1

Na categoria principal, a MX1, Fábio Santos foi o grande nome do fim de semana, mostrando domínio desde os treinos. Na primeira corrida deste domingo, caiu na curva da largada e foi para a última colocação. Fez uma excelente prova de recuperação e escalou o pelotão para finalizar na segunda colocação. Na segunda bateria, largou entre os primeiros e já no início assumiu a liderança para não mais perder, recebendo a bandeirada de chegada em primeiro para garantir a vitória da etapa pela segunda vez consecutiva no ano.


Paulo Alberto enfrentou problemas e não conseguiu finalizar a primeira bateria. Mas, na segunda, fez uma excelente largada e liderava a prova quando sofreu uma queda, perdendo muitas posições. Fez uma forte corrida de recuperação e finalizou em terceiro.


Gabriel Andrigo, mostrando evolução em seu ano de estreia na categoria, fez duas corridas consistentes, marcando pontos importantes e mostrando que em breve estará disputando as primeiras posições. Na primeira bateria fez um P6 e na segunda foi P7. Na soma das duas foi o 7º colocado, subindo para a 8ª colocação na classificação do campeonato.


Categoria MX2

A categoria MX2 continua com domínio do jovem Guilherme Bresolin, que venceu as duas baterias do fim de semana, se mantendo com 100% de aproveitamento no campeonato e aumentando a vantagem na liderança da tabela. Em uma pista difícil, o piloto fez provas muito fortes, vencendo com autoridade as duas baterias.


Marcello Leodorico também fez duas baterias consistentes e finalizou a rodada na 4ª colocação.



Categoria MXF

A corrida da categoria Feminina foi disputada na noite do sábado, em uma pista muito difícil e com muita lama. Líder do campeonato, Sarah Raquel estava em um bom ritmo e lutava pelas primeira posições quando sofreu uma queda e perdeu muito tempo.


De volta à corrida, conseguiu se recuperar bem, imprimir um ritmo forte e optou por fazer uma prova segura para finalizar na terceira colocação e se manter na liderança do campeonato. A piloto da YZ250F segue para a próxima rodada mantendo o Plate Vermelho de líder na sua moto, assim como seus companheiros de equipe Fábio Santos e Guilherme Bresolin.


Os patrocinadores da equipe são: Monster Energy, Grupo Geração, ASW Racing, Júpiter Baterias, Yamalube, Consórcio Yamaha, Vedamotors, Geração Adventure, Brasil Racing, Philips OneBlade, Diafrag, Durag, DID, MotoStyle, Fokus, Aqualis e Nitro Mousse.




RESULTADOS - BRMX 2023

2ª ETAPA – IBIRUBÁ/RS


Categoria MX1 - Soma das duas baterias

1º) Fábio Santos – Yamaha Monster Energy Geração / 47 pontos (22+25)

2º) Gustavo Pessoa – bLU cRU Yamaha / 43 pontos (25+18)

3º) Dudu Lima / 40 pontos (18+22)

4º) Jetro Salazar / 36 pontos (20+16)

5º) Pepê Bueno / 31 pontos (16+15)

6º) Paulo Alberto – Yamaha Monster Energy Geração / 29 pontos (9+20)

7º) Gabriel Andrigo – Yamaha Monster Energy Geração / 29 pontos (15+14)


Categoria MX2 - Soma das duas baterias

1º) Guilherme Bresolin – Yamaha Monster Energy Geração / 50 pontos (25+25)

2º) German Talmon / 42 pontos (20+22)

3º) Bernardo Tibúrcio / 40 pontos (22+18)

4º) Marcello Leodorico – Yamaha Monster Energy Geração / 35 pontos (15+20)

5º) Henrique Henicka / 31pontos (16+15)


Categoria MXF

1º) Brunna Bartz / 11 voltas

2º) Maiara Basso / + 8s336

3º) Sarah Raquel – Yamaha Monster Energy Geração / + 53s515

4º) Thaís de Castro – bLU cRU Yamaha / + 1min46s533

5º) Luanna Neves / + 1 volta




CLASSIFICAÇÃO DO BRMX 2023


Categoria MX1

1º) Fábio Santos – Yamaha Monster Energy Geração / 94 pontos

2º) Jetro Salazar / 77 pontos

3º) Dudu Lima / 76 pontos

4º) Gustavo Pessoa – bLU cRU Yamaha / 75 pontos

5º) Paulo Alberto – Yamaha Monster Energy Geração / 71 pontos

8º) Gabriel Andrigo – Yamaha Monster Energy Geração / 51 pontos


Categoria MX2

1º) Guilherme Bresolin – Yamaha Monster Energy Geração / 100 pontos

2º) Bernardo Tibúrcio / 82 pontos

3º) Henrique Henicka / 67 pontos

4º) Marcello Leodorico – Yamaha Monster Energy Geração / 64 pontos

5º) Gabriel Mielke / 64 pontos


Categoria MXF

1º) Sarah Raquel – Yamaha Monster Energy Geração / 45 pontos

2º) Maiara Basso / 44 pontos

3º) Thaís de Castro – bLU cRU Yamaha / 38 pontos

4º) Brunna Bartz / 32 pontos

5º) Luanna Neves / 32 pontos











Commentaires


PRO TORK.jpg
Capa.png
capa_bike_281.png
capa_guia_bike_2024.png
POST REDE SOCIAL.png
ConjuntoSPrint.gif
unnamed.jpg
unnamed (1).jpg
WhatsApp Image 2024-03-26 at 19.51.04.jpeg
bottom of page