• DirtAction

Sertões 2020 supera meta de doações de cestas básicas


Missão cumprida. Baixada a poeira, a organização do Sertões orgulha-se em dividir o resultado das ações realizadas durante os nove dias de competição, ao longo dos 5.000 quilômetros entre Mogi Guaçu (SP) e Barreirinhas (MA), rota da 28ª edição do maior rally das Américas. Graças à colaboração de 63 competidores e 10 patrocinadores, foram viabilizadas 12.478 cestas, distribuídas em quatro estados do país (SP, GO, TO e MA), além do Distrito Federal, totalizando 162 toneladas de alimentos destinados a quem mais precisa. Ao todo, 49 localidades foram beneficiadas pela iniciativa e quase 50.000 pessoas foram impactadas pela distribuição desses mantimentos.


Em um ano repleto de desafios, a passagem do Sertões pelo interior do Brasil só faria sentido se deixasse um legado social e fomento econômico pelas comunidades remotas e carentes de seu percurso. Ancorado em dois pilares fundamentais, o evento de 2020, rebatizado como Rally da Solidariedade, superou com sobras a meta original de distribuição de 8.000 cestas básicas. Um trabalho que envolveu a comunidade do rally, além de entidades como o Sebrae e UniãoBR.


“Desde que a pandemia se agravou, sabíamos que a solução mais fácil seria cancelar o evento deste ano e focarmos no Sertões de 2021. Mas o nosso DNA falou mais alto. Sertões representa superação. Então nossa missão passou a ser levar esperança às pequenas cidades que sempre receberam o Sertões com tanto carinho e hoje estão impactadas financeiramente. É da alma da comunidade do rally ser solidário e isso foi provado com a generosidade de nossos competidores e patrocinadores, aliada ao trabalho duro de nossos parceiros, que tornaram possível viabilizar o Rally da Solidariedade, um sopro de esperança após um ano tão duro.”, destaca o CEO do Sertões, Joaquim Monteiro.


Além da generosidade de seus participantes, a parceria com o Sebrae e UniãoBR foi fundamental para viabilizar a compra e distribuição das cestas. Enquanto a primeira monitorou os produtores e comerciantes locais, dos quais foram adquiridos os mantimentos seguindo a campanha “Compre do Pequeno”, a segunda identificou quais entidades e comunidades teriam prioridade no recebimento dos donativos.


“Desde o último ano, o Sertões adotou uma nova roupagem, deixando de ser simplesmente uma competição esportiva. A parceria inaugurada este ano segue a vocação primordial do Sebrae, que é ajudar a sociedade brasileira, principalmente àqueles que tem um grande potencial produtivo, que são os pequenos e microrempreendedores”, afirmou Moisés Gomes, superintendente do Sebrae Tocantins. “Para o proximo ano pensamos em ampliar a parceria para o campo da inclusão produtiva. Nós do Sebrae qualificamos as pessoas e os empregadores através de cursos muito básicos e simples, voltados a todos, inclusive as pequenas cidades. Podemos levar contêineres que podem servir de escola por meses, ajudando os pequenos com qualificação, inclusão digital e acesso a crédito”, diz Wilson Poit, diretor do Sebrae-SP,


Marcella Monteiro de Barros, uma das líderes da UniãoBR que acompanhou a caravana do Rally da Solidariedade, também celebrou os resultados da parceria com o Sertões. “Ver de perto o impacto positivo que o Sertões causa nos municípios pelo Brasil me fez ter mais clareza sobre sua importância. O Sertões é muito mais do que uma competição, é uma experiência de vida. Ver in loco a entrega de alimentos e toda transformação gerada em parceria com ONGs locais nos faz querer avançar ainda mais. Acho que a parceria da UniãoBR com o Sertões colherá ainda mais frutos no futuro, estamos só começando a nossa caminhada juntos.”


Concurso leva cultura do Sertões para as próximas gerações

Renovar a base de fãs é o objetivo natural de qualquer evento esportivo. Mas o Sertões buscou alcançar tal meta evidenciando a dimensão social do maior Rally das Américas. Em parceria com as Secretarias Municipais de Educação das cidades por onde a prova passou, os organizadores propuseram um concurso cultural que exaltasse o aspecto social da edição de 2020. O engajamento com a ação proposta foi recompensador.


Além da curiosidade natural de conhecer mais detalhes sobre o Sertões e incentivar o hábito da leitura e da escrita, as crianças tiveram outro estímulo para participar do evento. A Havan, apoiadora oficial do Sertões 2020, ofereceu como prêmio aos donos dos dois melhores trabalhos de cada categoria (redação para alunos do 6º ao 9º ano e desenho para estudantes do 1º ao 5º ano) um notebook e uma televisão.


“Patrocinar é acreditar. Sabemos o quanto o esporte pode transformar vidas. Estou muito feliz em apoiar o Rally dos Sertões e também o concurso cultural promovido pelo evento. Desta forma estamos estimulando o desenvolvimento do esporte e da educação. É uma política da Havan apoiar e incentivar ações como essa”, afirmou Luciano Hang, dono da Havan.











REVISTA DIRT ACTION

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram