• DirtAction

Linha motocross importada 2020


Honda CRF 450R

Consagrada linha no mercado nacional, seus modelos de motocross, a CRF 450R e a 250R sempre tiveram fãs espalhados pelos quatro cantos do Brasil. Na versão 2020, os modelos mantiveram praticamente as mesmas características das versões anteriores, já que em 2017 (450cc) e 2018 (250cc) eles já tinha sido totalmente renovados. Nas competições, a CRF 250R conquistou na temporada passada o título da categoria MX2 no campeonato nacional Arena Cross, com o piloto da equipe oficial, Luca Dunka, enquanto que a 450R levou os títulos do brasileiro de motocross nas categorias MX1 e MX Elite com o piloto oficial, Jetro Salazar.

Para a linha 2020 da CRF 450R, uma grande novidade, a adição do sistema HSTC (Honda Selectable Torque Control), desenvolvido pelo departamento de competições, a HRC, através das motos oficiais do Mundial de Motocross, que mede a taxa de aumento das rotações do motor e ajusta a entrega de potência, oferecendo melhor tração. São três as opções de intervenção do controle de tração. Outras novidades foram as atualizações realizadas no interior das suspensões, visando melhor performance e equilíbrio entre a dianteira e a traseira; atualizações nos mapas dos três modos de pilotagem; e a nova posição da bateria, que melhora o centro de gravidade.

Já no modelo 250cc, a Honda decidiu investir forte em 2018, tendo como plataforma a 450R, com o mesmo visual mas com suas próprias particularidas, como o sistema de escampamento com as duas curvas, uma para cada silencioso. Mas a fábrica também surpreendeu o mercado e ofereceu outro grande atributo para os modelos off-road, a partida elétrica, e assim a Honda CRF 250R se tornou a primeira motocicleta japonesa a oferecer esse acessório, sem esquecer o controle de largada e o mapeamento eletrônico. E o motor? Sim, ele foi trabalhado para torná-lo mais forte, tirando aquela imagem de motor manso, e para isso, a fábrica substitui o comando único (Unicam) para o duplo, apesar da 450R manter o primeiro.


Honda CRF 250R

Na motocicleta 2020 a Honda decidiu realizar renovações na busca de melhor performance, como o novo perfil do comando de válvulas, que reduziu o overlap e resultou em melhor torque e potência entre 6.000 e 10.000 rpm; otimização da ignição; revisão do sistema de escapamento; sensor de marcha engatada, que permite mapa de ignição específico para cada marcha; e novo elemento do filtro de ar, 10% maior, para melhor fluxo de ar. Tudo na busca por mais velocidade.

HONDA CRF 250R

Motor Monocilíndrico, 4T, arrefecimento líquido

Cilindrada 249cc

Alimentação Injeão eletrônica PGM-FI

Transmissão 5 velocidades

Chassi Semi berço duplo

Suspensão dianteira Garfo telescópico Showa invertido curso 305mm

Suspensão traseira Amortecedor Showa sistema Pro-Link, curso 317mm

Freio dianteira Disco simples de 260mm

Freio traseiro Disco simples de 240mm

Tanque de combustível 8 litros

Peso seco 103kg

Preço R$ 42.214,00

HONDA CRF 450R

Motor: monocilíndrico, 4V, Unican, refrigeração líquida

Cilindrada: 449 cc

Alimentação: injeção eletrônica PGM-FI, corpo de 46 mm

Transmissão: 5 velocidades

Chassi: alumínio, berço semiduplo

Suspensão dianteira: Showa, invertida, 49 mm de diâmetro, 305 mm de curso

Suspensão traseira: amortecedor Showa, 312 mm de curso

Freio dianteiro: disco, 260 mm de diâmetro

Freio traseiro: disco, 240 mm de diâmetro

Tanque: 6,2 L

Peso (total): 112 kg

Preço R$ 45.330,00






REVISTA DIRT ACTION

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram