top of page

Husqvarna PowerHusky/ Itaminas é Campeã Brasileira de Motocross na 50cc com Pietro Fraga


Foto Mateus Pereira

A Husqvarna PowerHusky/Itaminas saiu do Autódromo de Interlagos com duas vitórias, um título por antecipação e mais quatro pódios na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro de Motocross. A pista montada no templo do automobilismo nacional foi palco de boas disputas no fim de semana. Pilotando a TC50, o mineiro Pietro Fraga #152 venceu a corrida da 50cc e garantiu o título por antecipação para equipe, que agora, é bicampeã na categoria. Na 65cc, o catarinense Lorenzo Ricken #16 dominou a corrida de ponta a ponta emplacou mais uma vitória e segue líder do campeonato. Já para para outras categorias foi rodada dupla e os gaúchos subiram ao pódio: Pietro Piroli #161 foi 2º na 5ª etapa e 3º na 6ª etapa na MX2JR e manteve a vice-liderança no ranking, já Vicente Nunes #22 foi 3º na MXJR.


“A pista estava muito legal, consegui me adaptar bem e fiquei muito feliz com mais essa vitória e consegui ganhar esse título por antecipação para equipe. E quero dedicar essa vitória ao Henrique Spinassé que foi muito guerreiro e correu machucado”, diz o piloto de Coronel Fabriciano (MG), 9 anos, que conquistou o primeiro título para equipe oficial da Husqvarna.


O campeão brasileiro de 2024 se referiu ao colega de equipe Henrique Spinassé, 9 anos, até então vice-líder do ranking da 50cc, que lesionou o braço nos treinos mas não quis desistir da penúltima etapa do campeonato. Com a pista técnica e cheia de buracos e saltos, a dor se intensificou e precisou abandonar a corrida. O capixaba que venceu duas etapas na temporada irá para a final, em agosto, com quatro pontos de diferença do 2º colocado e ocupa agora, a 4ª colocação na classificação.


Foto Ney Evangelista

Na 65cc, Lorenzo Ricken, 10 anos, largou na frente e dominou a corrida de ponta a ponta garantindo a vitória com a TC65. “Foi muito boa a corrida. Larguei muito bem, consegui manter o meu ritmo. O Henri encostou, mas consegui abrir mais um pouco a vantagem e ganhei. Sigo líder com nove pontos na frente e bora para a final”, diz o catarinense de Rio Fortuna.


Na MX2JR, o vice-líder do ranking, Pietro Piroli, 15 anos, encarou duas corridas muito disputadas, mesmo com uma fratura no punho direito se superou e garantiu dois pódios. Na sexta-feira (7) andou forte e ficou em 2º lugar no pódio, já no domingo (9) largou na ponta mais uma vez, manteve um bom ritmo e ficou em 3ª posição. “Voltei a andar só na terça-feira porque me machuquei em Palmas (TO), mas mesmo com dor consegui um bom ritmo. No domingo consegui pular bem o gate e largar na frente, gostei da pista que estava bem técnica e isso me ajudou. Com os dois pódios consegui pontos importantes e manter a vice-liderança com seis de vantagem no campeonato”, explica Piroli (Tapejara/RS) que pilota uma FC250 nesta temporada.


Envolvido na bandeira do Rio Grande do Sul, Vicente Nunes subiu ao pódio em 3º na MXJR, após duas rodadas ausentes devido as enchentes que devastaram seu estado e que o impossibilitou de sair de Caxias do Sul. “Os dias em Interlagos foram divertidos. Na primeira corrida não consegui me soltar muito na pista e fiquei em 6º. Depois tive uma boa evolução tanto que na corrida de sábado fiquei no Top3 da categoria e bati várias das minhas metas”, finaliza o piloto que compete com a TC85.


Após a etapa na capital paulista, a grande final do Campeonato Brasileiro de Motocross será em terras paranaenses, em Ponta Grossa, nos dias 3 e 4 de agosto.


Festival Interlagos – Essa rodada do Campeonato Brasileiro de Motocross aconteceu paralelamente a 6ª edição do Festival Interlagos (6 a 9/6), no Autódromo de Interlagos. No estande/box da 2W Motors, grupo que representa a Husqvarna, Fantic, Goldentyre, Piaggio e CEAT, marcas que estavam em exposição no evento, pilotos de outras modalidades estiveram presentes. Da Husqvarna no Hard Enduro estavam Rigor Rigo, heptacampeão brasileiro e atual campeão latino-americano na Gold com sua TE300 e também o paulista Bene Coser e o mineiro Guilherme Costa, ambos defendem a equipe na Silver. Do Motocross, Heitor Matos, piloto da 65cc, que liderava o campeonato até a 2ª etapa, mas fraturou o braço e está em recuperação. Já da Fantic, Flavio Volpi que compete na E4 no Brasileiro de Enduro, mostrou sua XEF 250 Trail, o capixaba é o primeiro piloto do país a competir com uma motocicleta da marca.


A equipe Husqvarna PowerHusky/Itaminas conta com patrocínio da Husqvarna Brasil, Itaminas, S3 Brasil, Goldentyre Brasil, Ride 100% e Grupo 2W Motors.


Mais informações no site da PowerHusky (clique aqui) e Instagram @ powerhuskymotorcycles e @husqvarna_motorcycles_br


- Ranking Campeonato Brasileiro de Motocross (após Interlagos)


50cc

1 – Pietro Fraga – 169 pontos (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

2 – Vitor Brito – 123 pontos

3 – Juarez Dinamite – 120 pontos

4 – Henrique Spinassé – 119 pontos (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

5 – Ben Sagae - 73 pontos


65cc (seis primeiros)

1 – Lorenzo Ricken – 147 pontos (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

2 – Zion Berchtold – 138 pontos

3 – Henri Krug – 137 pontos

4 – Jeffin Junior – 102 pontos

5 – Enzo Gabriel – 99 pontos

6 – Tony Piroli – 75 pontos

7 – Heitor Matos – 67 pontos (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)


MX2JR

1 – Vitor Borba – 209 pontos

2 – Pietro Piroli – 161 pontos (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

3 – Arthur Gomes – 155 pontos

4 – Gabriel Cirino – 123 pontos

5 – Wagner Santos – 103 pontos


- Resultado 6ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross


50cc

1 – Pietro Fraga (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

2 – Vitor Brito

3 – Juarez Dinamite

4 – Ben Sagae

5 – Be Nogueira


65cc

1 – Lorenzo Ricken (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

2 – Henri Krug

3 – João Vitor Ferreira

4 – Jeffin Junior

5 – Enzo Gabriel


MX2JR

1 – Vitor Borba

2 – Inaki Parada

3 – Pietro Piroli (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

4 – Arthur Gomes

5 – Gabriel Cirino


MXJR

1 – Francesco Copetti

2 – Caio Grosbelli

3 – Vicente Nunes (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

4 – Vitinho Rocha

5 – Enzo Fialho


- Resultado 5ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross


MX2JR

1 – Vitor Borba

2 – Pietro Piroli (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

3 – Arthur Gomes

4 – Inaki Parada

5 – Gabriel Bilhar


MXJR

1 – Caio Grosbelli

2 – Pablo Galdino

3 – Franceso Copetti

4 – Vitor Rocha

5 – Enzo Fialho

6 – Vicente Nunes (Husqvarna PowerHusky/Itaminas)

Comentários


PRO TORK.jpg
Capa.png
capa_bike_281.png
capa_guia_bike_2024.png
POST REDE SOCIAL.png
ConjuntoSPrint.gif
unnamed.jpg
unnamed (1).jpg
WhatsApp Image 2024-03-26 at 19.51.04.jpeg
bottom of page