top of page

Honda renova com Gajser e contrata Fernández


Tim Gajser/Honda

A Honda Racing Corporation (HRC) anunciou que renovou seu contrato com Tim Gajser (25 anos, Eslovênia), que atualmente compete no Campeonato Mundial de Motocross MXGP (classe 450cc), e contrato com Rubén Fernández (23 anos, Espanha). Ambos os pilotos têm contrato por vários anos a partir de 2023.


Depois de ganhar o título do Campeonato Mundial de Motocross na classe MX2 (250cc) em 2015, Tim Gajser mudou-se para a principal classe MXGP no ano seguinte, e ganhou o campeonato junto com o título de Novato do Ano. Embora não tenha conquistado o título nos dois anos seguintes, Gajser conquistou campeonatos consecutivos em 2019 e 2020, e ao conquistar seu quarto título de MXGP este ano, conquistou um total de cinco títulos no campeonato mundial de Motocross.


Rubén Fernández foi o terceiro no campeonato europeu de motocross 250. Embora tenha se mudado para a MX2 em 2018, ele voltou para o EMX250 no ano seguinte. Depois de se mudar em tempo integral para a MX2 em 2020, ele terminou em nono naquele ano. Em 2021, Fernández se juntou à equipe MX2 Honda 114 Motorsports, mas a partir da rodada 17 mudou-se para a principal classe MXGP. Neste ano, Fernández continuou sua carreira em tempo integral na classe MXGP, terminando em oitavo no campeonato, com dois terceiros lugares.


"Foi uma decisão fácil continuar essa relação incrível com a equipe HRC. É como uma segunda família para mim e não há outro lugar onde eu sinto que é um ambiente tão agradável. Eu sempre digo "Happy Rider, Fast Rider" e trabalhando com todos na Equipe HRC, desde todos os técnicos no Japão, até meu mecânico de prática, até meu fisioterapeuta, é tudo tão agradável e estou sempre ansioso para ir correr. Eu ganhei cinco Campeonatos Mundiais com a Honda, então estou extremamente confortável a bordo do CRF450R e eles sempre fazem um ótimo trabalho com o desenvolvimento e melhoria da máquina, então eu sei que vou pilotar uma moto capaz de ganhar o título número seis em 2023. Um grande obrigado a todos os meus apoiadores ao redor do mundo, e estou ansioso para conhecê-lo na Equipe HRC no próximo ano." disse Gajser.


"É um sonho realizado estar pilotando para a Equipe HRC na classe MXGP. A equipe é a melhor no paddock e tendo pilotado o Honda nos últimos dois anos, estou muito familiarizado com a moto, mas agora estou muito animado para começar a andar com a máquina de fábrica completa no próximo ano. Também estou animado para trabalhar ao lado do Tim, pois sei que posso aprender muito com um piloto que é cinco vezes campeão do mundo. Gostaria de agradecer a todos que me apoiaram ao longo da minha carreira, que me chegaram a esse ponto e mal posso esperar para mostrar a todos do que sou capaz. Agora tenho o inverno para me preparar, e ter certeza de que estou pronto para a primeira queda de portão em 2023." afirmou Fernandez.























Kommentare


PRO TORK.jpg
Capa.png
capa_bike_281.png
capa_guia_bike_2024.png
POST REDE SOCIAL.png
ConjuntoSPrint.gif
unnamed.jpg
unnamed (1).jpg
WhatsApp Image 2024-03-26 at 19.51.04.jpeg
bottom of page