top of page

Honda preparada para o GP da Argentina do Mundial de Motocross



Pela primeira vez desde 2019, o Campeonato Mundial de MXGP retorna à Argentina e à incrível pista de Villa La Angostura, nos Andes patagônicos, para a terceira rodada desta intensa campanha de 2022.


Até agora, Tim Gajser, da equipe HRC, venceu os dois primeiros GPs (Grã Bretanha e Lombardia), vencendo duas das quatro corridas e terminando a menos de 1,5 segundo do líder nas outras duas corridas. Isso deu a ele a placa vermelha e uma vantagem de 12 pontos no topo do campeonato, mas com 18 rodadas ainda pela frente, ele precisa manter esse ritmo se quiser conquistar seu quinto título mundial. No entanto, tendo vencido este evento em 2016 e 2017, ele gosta de pilotar nesta pista e está confiante de que pode conquistar três vitórias consecutivas e aumentar ainda mais sua liderança.


"Foi bom ter alguns dias de folga para relaxar antes deste terceiro MXGP da temporada. As duas primeiras rodadas foram muito boas, mas aprendi com o ano passado a não treinar muito e não me sobrecarregar, especialmente neste estágio inicial da temporada. Estou em um bom lugar mental e fisicamente, e com a minha Honda, então espero continuar com esse impulso na Argentina, que é uma pista que gosto muito. É um circuito divertido e é importante ir a uma corrida no exterior novamente, pois sentimos falta deles nos últimos dois anos." afirmou Gajser.


Sem as corridas do EMX (Europeu MX) ou WMX (Mundial MX Feminino) programadas, o calendário parece um pouco diferente do habitual para as sessões da manhã, mas a corrida de qualificação do MXGP de sábado e as baterias de domingo (13:15 / 16:10) ocorrerão no mesmo horário (hora local), como costumam fazer nas rodadas europeias.
















Comments


PRO TORK.jpg
CAPA 344.jpg
capa_bike_273_mai23.png
capa_bike_GUIA23.png
POST REDE SOCIAL.png
BANNER MICHELIN JAN24.jpg
ConjuntoSPrint.gif
unnamed.jpg
unnamed (1).jpg
WhatsApp Image 2024-03-26 at 19.51.04.jpeg
bottom of page