top of page

Crivilin sobe mais uma posição e fecha Mundial de Enduro em sétimo da categoria E1


Crédito: Dario Agrati/Honda Racing RedMoto

Bruno Crivilin subiu mais uma posição e fechou o Mundial de Enduro 2023 em sétimo lugar da categoria E1. Ele disputou a última etapa do campeonato, a sétima do calendário, neste final de semana (7 e 8/10), em Santiago do Cacém, Portugal. Pelo quarto ano consecutivo sendo o único brasileiro a disputar integralmente a principal competição da modalidade, o piloto capixaba acelerou a motocicleta CRF 250RX da equipe Honda Racing RedMoto.

“Estou muito feliz em ter representado o nosso país e a Honda do Brasil no Mundial mais uma vez, agradeço demais por terem acreditado novamente nesse projeto internacional. Todos os meus patrocinadores têm uma porcentagem para que eu esteja o ano todo competindo fora. Não foi fácil, mas fiquei muito feliz de fechar mais essa temporada”, declara Crivilin, 26 anos.

O piloto brasileiro colhe resultados consistentes desde que estreou no Mundial, em 2020, quando conquistou o terceiro lugar na classe J1 (para competidores até 23 anos com motos até 250cc). No ano seguinte, subiu para a categoria E1 e fez história ao conquistar a sexta colocação – melhor posição alcançada por um brasileiro no campeonato. Ele repetiu o resultado em 2022, sempre utilizando a Honda CRF 250RX.

“Estou feliz em ter terminado com resultados consistentes e sem ter me machucado. Fiz sétimo no campeonato, tinha como meta estar no Top 5, mas dei o meu máximo sempre. Terminei todas as etapas esgotado, tenho certeza de que o que eu podia deixar nas corridas eu deixei. Estou contente, com a cabeça erguida, e no próximo fim de semana já tem a última prova do Campeonato Brasileiro e eu estarei lá (dias 14 e 15/10, em Camboriú-SC). Temos ainda o International Six Days Enduro (em novembro, na Argentina), o ano ainda não acabou”, lembra Crivilin.

Além do Mundial, ele disputou o Campeonato Português de Enduro 2023 e venceu de forma invicta a categoria Elite. O piloto também confirmou o vice-campeonato português da classe Elite Absoluto (geral).


Resultados Mundial de Enduro 2023 (cinco primeiros)


Classificação Categoria E1 1 – Josep Garcia #26 (ESP) – 249 pontos 2 – Theophile Espinasse #17 (FRA) – 203 pontos 3 – Jamie Maccanney #68 (IRL) – 200 pontos 4 – Zachary Pichon #101 (FRA) – 197 pontos 5 – Matteo Pavoni #98 (ITA) – 154 pontos 7 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 99 pontos – Honda Racing RedMoto – CRF 250RX

7ª etapa – Santiago do Cacém (Portugal)

Dia 1 (7/10) 1 – Josep Garcia #26 (ESP) – 1:02:04.83 2 – Jamie Maccanney #68 (IRL) – 1:02:53.49 3 – Zachary Pichon #101 (FRA) – 1:03:37.99 4 – Theophile Espinasse #17 (FRA) - 1:04:19.94 5 – Matteo Pavoni #98 (ITA) – 1:04:26.05 8 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 1:05:51.38 – Honda Racing RedMoto – CRF 250RX

Dia 2 (8/10) 1 – Josep Garcia #26 (ESP) – 1:11:51.62 2 – Zachary Pichon #101 (FRA) – 1:13:32.23 3 – Jamie Maccanney #68 (IRL) – 1:13:39.47 4 – Theophile Espinasse #17 (FRA) – 1:14:10.64 5 – Matteo Pavoni #98 (ITA) – 1:15:15.06 7 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 1:16:59.73 – Honda Racing RedMoto – CRF 250RX














































PRO TORK.jpg
Capa 341.jpg
capa_bike_273_mai23.png
capa_bike_GUIA23.png
BANNER MICHELIN JAN24.jpg
bottom of page