• DirtAction

Bruno Crivilin treina na Itália


Crivilin (à direita) com Salvini (centro)

Bruno Crivilin está na Itália para a sua preparação visando ao Campeonato Mundial de Enduro FIM 2020. O piloto da equipe Honda Racing participa de competição local da modalidade neste domingo (30/8), em Matelica, na província de Macerata, como convidado – ou seja, não poderá pontuar. “O objetivo é ganhar ritmo de prova não só para o Mundial como para o Campeonato Brasileiro. O que eu evoluo aqui eu levo para o Brasil, para elevar o nível do esporte”, explica o capixaba. 

Em solo italiano desde a última quarta-feira (26/8), os dias têm sido produtivos para Crivilin. “Testei a minha moto Honda CRF 250RX, mesmo modelo que eu uso no Brasil, e fiz acertos importantes, principalmente na suspensão. Pude treinar em uma pista de motocross com pilotos excelentes, o nível é muito alto no motociclismo da Itália.”

O brasileiro está baseado perto de Bolonha e conta com o apoio da equipe S2 Motorsport, chefiada pelo campeão mundial Alex Salvini, que também é piloto Honda. “É sempre muito importante estar na Europa, em contato com o que há de melhor no Enduro. O Salvini me ajuda bastante a ser um piloto mais rápido e, além de um professor, é um grande amigo”, ressalta Crivilin. 

Na corrida de domingo, apesar de não estar competindo oficialmente, o objetivo será aproveitar cada instante para ganhar ritmo. “Vamos marcar os meus tempos e trabalhar a velocidade. Sem dúvidas será uma ótima experiência”, conclui o piloto. 

Calendário adiado  Em função da pandemia de coronavírus, o Campeonato Mundial de Enduro FIM 2020 teve de ser adiado e começa em pouco mais de um mês, entre os dias 18 e 20 de setembro, em Requista, na França. Estão previstas mais três etapas: de 25 a 27 de setembro em Spoleto, Itália; de 6 a 8 de novembro em Lalin, Espanha; e a final em Marco de Canaveses, Portugal, entre os dias 13 e 15 de novembro. 







REVISTA DIRT ACTION

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram